17 setembro 2015

Resuminho sobre Populismo no Brasil

Eurico Gaspar Dutra
Fonte: Estadao.com.br


Eurico Gaspar Dutra foi eleito após a deposição de Getúlio Vargas em 1945. Entre as medidas de seu governo podemos citar:


  • Houve a abertura do Brasil aos produtos estadunidenses.
  • Ocorreu um alinhamento militar e diplomático com os países capitalistas da América.
  • Criação do plano Salte com o objetivo de melhorar a qualidade de vida da população.
  • O governo de Dutra pode ser considerado como neoliberal.
  • Promulgação da Constituição de 1946.
  • Fechamento do Partido Comunista Brasileiro - PCB

Após o governo de Dutra, Getúlio Vargas voltou a governar o Brasil, sendo eleito presidente em 1950. Esse seu governo além de populista, pode ser considerado desenvolvimentista e nacionalista.
Getúlio Dorneles Vargas
Fonte: Estadao.com.br

Após o suicídio de Vargas, seu vice-presidente, Café Filho assume, realizando um governo neoliberal.

João Augusto Fernandes Campos Café Filho
Fonte: Estadao.com.br


Nas eleições seguintes, Juscelino Kubitschek assume a presidente prometendo avançar o Brasil “50 anos em 5”. As principais realizações dele foram:


  • Plano de Metas, que tinha como principal objetivo o desenvolvimento econômico do Brasil, ou seja, pautava-se em um conjunto de medidas que atingiria o desenvolvimento econômico de vários setores, priorizando a dinamização do processo de industrialização do Brasil.
  • Construção de Brasília e transferência da capital do Brasil
  • O governo de JK é considerado como desenvolvimentismo nacionalista.

Juscelino Kubitschek
Fonte: Estadao.com.br

O desenvolvimentismo econômico que o Brasil viveu durante o mandato de JK priorizou o investimento nos setores de transportes e energia, na indústria de base (bens de consumos duráveis e não duráveis), na substituição de importações, destacando a ascensão da indústria automobilística, e na Educação.


Jânio Quadros
Fonte: Estadao.com.br

Após o governo de JK, assumiu a presidência da república o nacionalista radical Jânio Quadros. Dentre as medidas de Jânio Quadros durante seu governo destacam-se:

  • Retomou as relações com o FMI, adotando medidas econômicas sugeridas pelo órgão.
  • Procurou moralizar a política nacional, eliminando a corrupção, embora não tivesse um plano claro de como realizar isso.
  • Demonstrou interesse em estabelecer relações diplomáticas com países do bloco socialista.
  • Condecorou Che Guevara com a Ordem Cruzeiro do Sul, umas das mais altas honrarias concedidas pelo governo brasileiro.
  • Além dessas medidas, Jânio ainda proibiu o uso de biquínis nas praias, as rinhas de galo e o uso de lança-perfumes.
  • As medidas confusas e ambíguas de Jânio Quadros desestabilizaram seu governo, ele perdeu apoio de grupos da sociedade e gerou desconfiança dos EUA, pois suas medidas demonstravam simpatia ao socialismo. Devido a isso, sete meses após sua posse, Jânio renunciou o cargo de presidente.

O vice de Jânio, João Goulart (Jango), também tinha tendências nacionalistas radicais e populistas. Entretanto, quando Jânio renunciou, Jango estava na China e setores da política brasileira engendraram uma emenda constitucional para estabelecer o parlamentarismo e impedir João Goulart de governar o Brasil.

João Goulart
Fonte: Estadao.com.br

Em 1963 ocorreu um plebiscito que tornou o Brasil presidencialista novamente. A partir disso, Jango pode governar o Brasil e propor o Plano Trienal, que previa reformas de base nas áreas agrária, financeira, tributária e administrativa. Isso gerou desconfiança por parte das elites brasileiras, dos Estados Unidos e de setores conservadores das Forças Armadas, que organizaram um Golpe de Estado para retirar o presidente João Goulart do poder e iniciar uma Ditadura Militar.

Para ler mais sobre a Ditadura Militar ver as postagens:
http://prof-tathy.blogspot.com.br/2014/09/atos-institucionais-resumo.html

Para saber mais sobre o populismo no Brasil acesse as postagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário